ESPORTES


O Estado de S.Paulo

Brasil, por exemplo, encara a Bélgica na quartas de final. De um lado, a seleção comandada pelo técnico Tite coloca à prova sua sólida defesa, que sofreu apenas um gol na competição até o momento. Do outro lado, o time europeu, que entrou na competição como um dos favoritos a conquistar a taça, precisa consolidar seu ataque, que tem sido o mais efetivo até então. Além disso, os belgas devem se preocupar em anular Neymar, que depois das eliminação de Cristiano Ronaldo e Messi, tomou conta dos holofotes do Mundial.

Eden Hazard e Neymar

Brasil e Bélgica medem forças nas quartas da final da Copa Foto: Patrik Stollarz e Odd Andersen/AFP Photo

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s